27 de ago de 2012

Cidra

Erro
Suspender, ancorar...
reduzir a marcha de ser e o volume de estar.
Amargou, como uma cidra.
Eu quero o doce, eu quero é vida!

Nenhum comentário: